BRASILEIROS E ANGOLANOS JUNTOS EM OBRA LITERÁRIA





A Editora Òmnira lança mais uma de suas obras, a Coletânea Poética Internacional "13", no próximo dia 13 de maio, às 19h13min no Espaço Quadrilátero da Biblioteca Pública do Estado (Rua General Labatut, 27 – Barris, Salvador/BA-Brasil) que tem a participação de 10 poetas brasileiros e 3 angolanos. 

A apresentação da obra é composta da opinião de 13 personalidades de importância literária, sobre o conteúdo poético e valores individuais, entre os apresentadores estão os jornalistas e escritores Carlos Souza (UBE/BA), Domingos Ailton (Revista Cotoxó), Mariana Paiva (A Tarde), Valdeck Almeida de Jesus (site Galinha Pulando.com) e Germano Machado (CEPA), a escritora Maria Prado de Oliveira, os poetas Douglas de Almeida e Carlos Alberto Barreto e o escritor Itaberaba Lyra.

A orelha da obra é do escritor Marcelo de Oliveira Souza. O projeto tem a organização do jornalista e editor Roberto Leal, que estará recebendo uma comitiva de escritores, autoridades e convidados de Angola, no dia em que se comemora "A abolição da escravatura" no Brasil.

Roberto  Leal

Os 13 poetas que participam do livro são: Adriana Abreu, Antônio Milton, Antônio Santana, Audelina Macieira, Edival Rosas, Edson Costa, Maria Cavalcante, Mileide Machado, Noeli de Carvalho e Zilda Freitas (Brasil), Felisberto Rolando, João Sanda e Rosalino Van-Dúnem (Angola).

A ideia de produzir a obra surgiu de um bate papo entre escritores que tem como objetivo homenagear o ano de 2013, que segundo a astrologia será o ano da literatura. E como se trata de uma numeração mistica, que vem sempre acompanhada de muito mistério, superstições e lendas, na obra não foi diferente, são 13 poetas, que escreveram 13 páginas cada, são apresentados por 13 apresentadores que escreveram juntos 13 páginas também, um total de 13 amuletos da sorte retratam a arte/capa da obra e o próximo lançamento está marcado para o dia 13 de julho em Luanda, capital de Angola, ”Eu penso que esta oportunidade é importante para que possamos trocar experiências, uma vez que são culturas e povos diferentes. Este intercâmbio é sempre salutar. A minha poesia mostra o que nós somos, a nossa natureza cultural, o nosso dia – dia’, ponderou o poeta Felisberto Rolando que trabalha na Casa de Cultura Brasil-Angola.

Além do misticismo será possível buscar uma grande positividade nas poesias dos poetas brasileiros, como conhecer um pouco a poética característica da África sofrida e que carrega também o romantismo patriótico e familiar do povo angolano, ‘Traz uma mensagem de paz e irmandade, manifestada na matriz da literatura angolana, baseada na realidade cultural e na vivência cotidiana do povo angolano” disse o poeta evangélico João Sanda.

Mais informações: lealomnira@yahoo.com.br www.fundacaoomnira.com.br. Dentro da programação teremos exposição de livros de escritores baianos, recital poético, bate papo com os autores e coquetel ao final. Coletânea Poética “13” Ed. Òmnira/BA-2013, 188 pág. Preço do livro R$ 25 (Brasil) ou USD 15 (Angola).




Comentários