AUDÁCIA GIGANTESCA | O DESTINO FATÍDICO DOS 6 MAIORES PRÉDIOS INACABADOS DO MUNDO




Construir uma casa é estressante. Construir um arranha-céu é uma verdadeira bomba nuclear de estresse e problemas ligados à economia, política e crises financeiras. Há uma enorme quantidade de edifícios muito altos que foram propostos, mas nunca conseguiram se tornar realidade.
Recentemente, o Conselho de Edifícios Altos e Habitat Urbano fez um levantamento sobre essas construções, e algumas delas chamaram bastante atenção. Abaixo você encontrará alguns edifícios que teriam se tornado os maiores do mundo, se suas construções fossem concluídas.


1. Nakheel Tower – Dubai, Emirados Árabes

Esse projeto parou na fundação do edifício. Sua construção duraria cerca de dez anos e teria mais de 200 andares e 156 elevadores. O primeiro nome dado ao prédio gigante foi Al Burj, e alterado mais tarde para Nakheel Harbour Tower. Apesar dos esforços, a crise global na economia de 2008 acabou implicando em problemas financeiros para a Nakheel Group, impedindo a continuação da construção do prédio.


2. India Tower – Mumbai, Emirados Árabes


A torre de 301 metros e 85 andares começou a ser construída em 2010 na cidade de Mumbai, mas a obra foi interrompida no ano seguinte. Ela está atualmente paralisada, em espera.

3. Torre da Rússia – Moscou, Rússia



A Torre da Rússia foi mais uma das vítimas da crise de 2008. Ainda estava na etapa da escavação do terreno, quando o desenvolvedor do edifício anunciou publicamente que seria incapaz de desembolsar os U$ 3 bilhões necessários para a construção completa. O canteiro de obras foi transformado em estacionamento.


4. Doha Convention Center Tower – Doha, Catar



O projeto de arranha-céu foi paralisado já na fundação do edifício. Mas o motivo aqui não foi a crise financeira de 2008, e sim a própria altura do prédio. A torre seria tão alta que o governo se preocupou com os pousos e decolagens do aeroporto que era próximo ao local. A construção foi interrompida até que o aeroporto de Doha fosse finalizado, mas acabou sendo totalmente cancelada.


5. Burj Al Alam – Dubai, Emirados Árabes



Dubai estava tendo um grande crescimento no setor imobiliário até 2008, quando começou o declínio dramático das construções, por causa da crise financeira que atingiu vários países do mundo. O Burj Al teria uma arquitetura peculiar – seria uma torre em forma de flor, mas foi cancelado em 2013.


6. Palácio dos Sovietes – Rússia



O mais antigo dos prédios aqui citados, o Palácio dos Sovietes começou a ser construído em 1937 e seria uma antítese da Rússia aristocrática: um palácio do povo construído sobre as ruínas de uma igreja demolida, onde trabalhariam os deputados da então recém-formada República Soviética. Na época, ele seria o edifício mais alto do mundo, mas sua construção foi interrompida pelo início da II Guerra Mundial, com as invasões da Alemanha.
Via Gizmodo



Comentários