LIVRO DE RENATO PRATA SERÁ LANÇADO NA BIBLIOTECA DO ICBA




Na ocasião, também serão lançados Adote um maluco, de Santiago Fontoura; Carta a Rubem Braga, de Gustavo Felicíssimo e O espiritismo segundo o Google Street View, de Nilson Galvão.

A editora Mondrongo promove nesta quinta-feira, dia 16 de novembro, das 18h30 às 22h, na Biblioteca do Instituto Cultural Brasil Alemanha – ICBA (Corredor da Vitória – Salvador. BA), o lançamento do livro “Pequena Antologia Poética”, do poeta Renato de Oliveira Prata. A obra apresenta uma seleção de poemas extraídos de seus quatro livros:  Sob o cerco de muros e pássaros (2003), A quinta estação (2007), A pulseira do tempo (2012) e Mar Interior (2015), além de outros retirados das antologias Poetas da Bahia II e III (2003, 2015) e Outros Riscos (2013). A publicação é organizada por Heloísa Prazeres.

Renato Prata é membro da Academia de Letras de Itabuna, ALITA, cadeira n° 20, é vencedor de prêmios literários importantes, como o Braskem Cultura e Arte/ Fundação Casa de Jorge Amado e do Selo Literário João Ubaldo Ribeiro/ Fundação Gregório de Mattos.

Além de Pequena Antologia Poética, também serão lançados: “Adote um maluco”, que reúne contos de Santiago Fontoura, “Carta a Rubem Braga”, seleção de crônicas de Gustavo Felicíssimo e “O espiritismo segundo o Google Street View” de Nilson Galvão.

Em “Adote um maluco”, Santiago (Cazzo) Fontoura traz uma proposta ousada: de diálogos no Whatsapp, passando pelo roteiro de um documentário, até a forma mais convencional de contar uma estória, o autor abusa da metanarrativa e confunde, desde as orelhas do livro, realidade e ficção. Tudo com um só propósito: dizer mais sobre o impacto da ausência e da presença do amor em nossas vidas.

Gustavo Felicíssimo apresenta “Carta a Rubem Braga”, seu primeiro livro em prosa. As crônicas do livro, escritas entre 2011 e 2017, recebem diretamente a influência do poeta, que já possui cinco livros publicados. Seus temas abarcam desde observações a respeito das coisas simples do cotidiano até comentários literários e filosóficos, passando por matérias como: política, futebol, família e religião.

“O espiritismo segundo o Google Street View” é o título inusitado do terceiro livro de poesia de Nilson Galvão, jornalista e poeta. A obra faz parte da Série Horizontes, que já reúne 13 livros de autores da chamada Geração Anos 2000. No poema que dá título ao livro, o autor descreve a emoção que sentiu ao tentar reencontrar o seu pai, morto em 2015, nas imagens de rua captadas aleatoriamente pelo Google. Sobre o livro, o escritor e crítico João Filho diz o seguinte: “Nilson Galvão busca e alcança – num ritmo incomum – o inefável da matéria e a imaterialidade das coisas físicas”.





Comentários