MESA DE DIÁLOGO - A RAÇA NEGRA EXISTE E RESISTE: O PAPEL DA MÍDIA NA FORMAÇÃO CIDADÃ


Estácio da Bahia promove mesa de diálogo com o tema “A raça negra existe e resiste: o papel da mídia na formação cidadã”

Salvador, 01 de julho de 2020 - A Estácio da Bahia realiza no próximo dia 10 de julho, através da plataforma Teams, às 19 horas, mesa de diálogo com o tema “A raça negra existe e resiste: o papel da mídia na formação cidadã”. O evento é aberto ao público em geral e as inscrições para alunos da Instituição podem ser feitas no SIA e para o público externo através do e-mail: nujorestaciobahiacontato@gmail.com.

O evento, organizado pelo Nujor – Núcleo Experimental de Jornalismo da Instituição de ensino sob a coordenação de Antoniella Devanier, coordenadora do curso de Jornalismo da Estácio, é voltado para estudantes de Jornalismo, Marketing e Publicidade e para o público em geral, e tem como objetivo fomentar uma consciência antirracista e a valorização da negritude, além de promover a discussão sobre o papel e a responsabilidade dos veículos de imprensa na informação e formação da sociedade cidadã.

A Mesa de Diálogo será composta por Washington Oliveira, doutor em Educação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) e professor da Estácio; Mawó Adelson de Brito, professor de Língua e Cultura ioruba-jeje-nagô, mestre em Saúde, Ambiente e Trabalho pela UFBA e também docente da Estácio e Vivaldo Marques, diretor de Jornalismo do Instituto Jovens Periféricos, e terá como mediadora Antoniella Devanier, coordenadora do curso de Jornalismo da Instituição.

Serviço: Mesa de diálogo
Tema: “A raça negra existe e resiste: o papel da mídia na formação cidadã”;
Quando: 10 de julho de 2020;
Onde: plataforma Teams;
Horário: 19 horas;
Inscrição aluno Estácio: SAI;
Inscrição público externo:  e-mail: nujorestaciobahiacontato@gmail.com

ANTONIELLA DEVANIER ABRE INSCRIÇÕES PARA OFICINA DE CRIAÇÃO LITERÁRIA



Atividade será no dia 26 de junho, das 18h às 22h na Plataforma Zoom

Você quer aprender sobre criação literária, técnicas que estimulam a criatividade na produção de poemas e prosa poética? A Oficina de Criação Literária com a escritora, jornalista, advogada e mestre em comunicação e semiótica pela PUC/SP, Antoniella Devanier, que será realizada no dia 26 de junho (sexta-feira), das 18h às 22h, na Plataforma Zoom é um espaço de encontro para os amantes da literatura e produção literária. A oficina recebe inscrições pelo WhatsApp (71-9-9730-8284) até às 17h do dia de realização do curso.

A iniciativa vai fomentar a produção dos textos, leitura de poemas de autores como Pablo Neruda, Carlos Drummond de Andrade, Roberval Pereyr, Mabel Veloso, Ana Cristina César e Adélia Prado, além de trechos da prosa de Clarice Lispector, Mário de Andrade, Rosângela Rocha e Rubem Alves.  Antoniella Devanier tem um extenso currículo na área da literatura e educação superior, foi professora da PUC Campinas na disciplina Criação Literária e atualmente, coordena o curso de Jornalismo da Estácio Bahia.

A atividade conta também com um bate papo sobre criação literária, figuras de linguagem e tipos de textos literários. Além do estímulo para criação por intermédio da leitura de textos literários, deve-se estimular a criação também pela audição de uma música e de obras visuais, numa convergência de linguagem que estimula os autores contemporâneos. Cada participante deve produzir um texto, ao final da Oficina. Os melhores textos devem ser publicados no site da autora.

Antoniella Devanier



Jornalista pela Ufba, advogada pela UCSAL e concluiu o mestrado em Comunicação e Semiótica pela PUC- São Paulo, foi professora da PUC/Campinas da disciplina Criação Literária, em 2003. É autora do livro A Revolução do Orvalho, prosa poética, 2001, que foi lançado na Bienal Internacional do Livro de São Paulo e Rio de Janeiro e na cidade de Campinas e do livro de poemas A Roda: terra, água, ar e fogo. Participou também de várias antologias e coletâneas literárias. O nome de Antoniella Devanier consta no Dicionário Crítico de Escritoras Brasileiras de Nelly Novaes Coelho, editora Escrituras.

Obras publicadas: A Revolução do Orvalho- poemas e prosa poética-Scorttecci (2001); A Roda: terra, água, ar e fogo- poesia-Virtual Books (2011). Olhares – poesia - Virtual Books (2010) com o filósofo Valter Junior, Espirais da poesia- poesia- Virtual Books (2014), com a astróloga Denise Dinigre.

Antologias que participou: Segredo- Retorno à vida- Poesia - Coletânea em homenagem a Mabel Veloso. Ed. Contemp: Salvador, 1991. Uma excursão através do Conto: Pequena Antologia Comentada. Parceria com Cyntia Nogueira e Wladimir Cazé. Ufba: Facom, 1996. Palavras de Amor. Antologia Literária. Contos. Ed. Casa do Novo Autor: São Paulo, 2000. E Por falar em Amor. Antologia Literária. Contos. Ed. Casa do Novo Autor: São Paulo, 2001. Humanus – Virtual Books- Jornalismo Literário- Organização-2012. Sustentabilidade em Foco: reportagens produzidas pelos alunos de Jornalismo- Virtual Books - Jornalismo Literário- Organização-2013; Coletânea Poética Poe’Vera - Poesia-Scorttecci-2014.

O que: Oficina de Criação Literária com Antoniella Devanier no Zoom
Quando: 26 de junho (sexta-feira)

Inscrições: Pelo WhatsApp 71-9-9730-8284 até às 17h do dia de realização do curso. 
Investimento: R$ 20
Horário: 18h às 22h
Local: Plataforma Zoom 

ESCRITORA BAIANA - IVONE SOL REÚNE ARTISTA EM LIVE - NOITE enSOLarada






Fica em casa que a gente achega

As festas juninas estão entre os eventos populares mais abrangentes do Brasil. Das manifestações folclóricas às comilanças, quase ninguém fica incólume aos apelos do São João. Apaixonada pelos festejos juninos, mas defensora do distanciamento social, neste momento pandêmico, a apresentadora e produtora Ivone Sol promoverá um grande arraiá no Facebook, próximo sábado, dia 20, das 21 às 23h. Será o Arraiá noite enSOLarada, com participações de grandes artistas, poetas e cordelistas. Os internautas vão poder apreciar o forró pé de serra, leitura e interpretações de cordéis e contos de humor, além de um papo dinâmico com os convidados. A música fica por conta dos cantores, sanfoneiros, instrumentistas Guilherme Mará e George Marley; da cantora e instrumentista Suzane Werdt; e do cantor e compositor Betto Pereira. Já o recital recebe um dos maiores cordelistas da atualidade, o baiano Antônio Barreto; o ator e roteirista Deo Garcez; a atriz e apresentadora Nivia Helen, o ator e cantor José Araújo, artistas renomados com presenças assíduas no Sarau Noite enSOLarada; o poeta e cronista professor Ataualpa Filho – presidente da Academia Petropolitana de Educação; a atriz e produtora Regina Guimarãez; e o escritor Almir Tosta, marido de Sol e parceiro nas realizações do Sarau. A adaptação do Sarau no Facebook conta com o apoio do ator José Araújo e já está na segunda edição. A estreia foi um sucesso de público e crítica.

“Foi uma noite incrível! O reencontro com os amigos e parceiros, a participação dos internautas, a cadência da arte em nossos corações. Eu vivo reproduzindo que arte salva. Nossa noite enSOLarada é um ponto de luz nestes dias sombrios... Nosso Arraiá vai alumiar”. (Ivone Sol)

A live será no perfil de Ivone Sol no Facebook, a partir das 21h. O público poderá interagir, compartilhar, juntar-se aos artistas no Arraiá ensolarado.

O Sarau Noite enSOLarada envolve recital poético, música e performance teatral, e está no sexto ano de realizações em Petrópolis, com exibições permanentes na Casa de Cultura Cocco Barçante e apresentações  ocasionais na Academia Petropolitana de Letras. Ivone Sol e seu marido Almir Tosta são membros diretores da APL.