LÚCIA LINHARES - POETA





Há em ti um poder singular,
Encanta onde quer que vá,
Viajante da leitura,
O livro é seu amor!
E sua paixão a poesia!
Amante das bibliotecas,
E das livrarias,
Cheias de paixões...
Viajante das palavras...
... Todas clamando Poetas!
Palavras espalhadas,
Suplicando tornarem-se versos...
De uma rima traquina,
Ou de um poema de amor.
Poeta!
Dono de uma escrita única,
Vive em inspirações,
Declama!
Surpreende!
Extasia!
Seu grito, é poesia!
Ao romper o silêncio...
Olhares atentos,
Ouvidos cativos,
E uma perfeita sintonia.
Ser louco em afeto,
Derrama no concreto,
Pura nostalgia.
Aplausos o deixa orgulhoso,
Mas, o que o toca pra valer,
É ver sua poesia, tocar um outro ser.






Maria Lúcia Borges Linhares (Lúcia Linhares) é natural de Valença, Bahia. Estudou Contabilidade, é desenhista de planta base, poetisa e escritora. Escreve desde seus seis anos, inspirada pelo seu pai, Aereolindo da Cunha Linhares (Lelinho), que passava os dias declamando e cantando para ela suas poesias. Lúcia Linhares atualmente reside em Lauro de Freitas, Bahia. 

Comentários

Postar um comentário

Participe, opine, colabore, construa. Faça parte desse "universo".