BRITÂNICA DE 12 ANOS TEM Q.I. MAIOR QUE OS FÍSICOS EINSTEIN E HAWKING




Olivia Manning, uma inglesa de 12 anos, entrou para um seleto time de gênios mundiais após marcar 162 pontos em uma prova de Q.I. (quociente de inteligência). Além de tornar-se a mais nova integrante da Mensa, sociedade internacional que reúne pessoas com Q.I. alto desde 1946, a estudante de Liverpool ficou dois pontos à frente dos resultados obtidos pelos físicos Albert Einstein e Stephen Hawking.

Segundo a Mensa, as pessoas fazem 100 pontos em média nos testes, e apenas 2% da população, aproximadamente, conseguem ultrapassar a marca dos 130 na avaliação de inteligência. Olivia disse, em entrevista ao jornal Daily Mail, ter facilidade de aprendizagem e ser capaz de, por exemplo, decorar em um dia as falas da peça Macbeth, clássico do dramaturgo e poeta William Shakespeare.

Desde a descoberta, a garota virou uma celebridade na North Liverpool Academy, colégio onde estuda no Reino Unido. "Muitas pessoas vêm me pedir ajuda nas tarefas de casa. [Mas] Eu só gosto de desafios e de fazer a minha mente trabalhar."


Comentários