ESPETÁCULO JARDIM - UM ESPETÁCULO SOBRE A GUERRA E FLORES



O espetáculo Jardim escancara o absurdo dos atritos e conflitos que surgem entre os seres humanos em sua eterna disputa por território. 

Na peça, situações tragicômicas oscilam entre cenas de guerra e paz, amor e ódio, união e inveja, e culminam surpreendentemente em uma grande explosão florida em clima deliberação total... Um desfecho esfuziante no qual é revelado o lema do Jardim: um ao de a “agricultura celeste”! Brincando com a fase histórica do movimento hippie, a peça aborda manifestações que ganharam força nessa época e influenciaram os rumos do mundo como o pacifismo, o ambientalismo, o orientalismo, e o movimento “Flower Power” (Poder das Flores). 

Na perspectiva do universo feminino, as palhaças Bafuda (Felícia de Castro) e Ricota (Suzana Miranda) evidenciam as luzes e as sombras do ser humano que surgem quando se está em relação com o outro. Evidenciando os afetos como temática essencial, o espetáculo convida a cultivar um novo coração.

O espetáculo foi criado em 2003 e em 2005 foi contemplado com o prêmio duplo de melhor atriz para Felícia de Castro e Flavia Marco Antonio no XII Festival Nordestino de Teatro (Ceará). Jardim é um espetáculo de palhaçaria feminina e fez diversas apresentações em várias cidades brasileiras, participando de festivais como o Palco Giratório (Ceará), FEVERESTIVAL (São Paulo), Festival Latino Americano de Teatro da Bahia (FILTE), e Mostra SESC Cariri de Cultura (Ceará).

Para comemorar os dez anos do grupo, em 2010, a peça foi remontada com Suzana Miranda, uma talentosa representante da nova geração de palhaços e palhaças que vêm renovando a cena da comicidade na cidade de Salvador.
O espetáculo Jardim foi realizado pelo grupo Palhaços para Sempre e dirigido e encenado originalmente por Flavia Marco Antonio e Felícia de Castro, no âmbito das práticas e pesquisas do grupo.

Comentários