GINCANA DAS NASCENTES - NA ESCOLA AMBIENTAL


Crianças e adolescentes participarão de provas com o objetivo de chamar a atenção para a importância da preservação das nascentes, dunas e vegetação em Barra do Pojuca

Promovida pela Fundação Eco-Educativa Fred Dantas - Escola Ambiental, a “Gincana das Nascentes” será realizada no dia 29 de agosto, sábado, a partir das oito da manhã, na área de reserva ambiental em volta da Escola Ambiental em Barra do Pojuca, em Camaçari. O objetivo é integrar crianças e adolescentes atendidos pela Fundação Eco-Educativa Fred Dantas e conscientizar não só os alunos, mas também a comunidade, sobre a importância da preservação da área verde de 46 hectares de Mata Atlântica, vegetação de restinga, dunas, nascentes e lagoa que existem no local.

A principal tarefa da “Gincana das Nascentes” será fazer os competidores atravessarem a área de dunas de areia branca para recolher água das nascentes  “Água de Deus” e “Água da Vovó”, as duas em área de proteção ambiental e finalmente chegar à água da Lagoa do Meio, bem próxima das edificações da Escola.  essa água pode ser perfeitamente bebida. Também serão escondidos vários brindes na área onde funciona a Escola Municipal Ambiental, pertencente à Secretaria Municipal de Educação de Camaçari.  Os participantes serão recepcionados pela Filarmônica Ambiental, hoje integrada somente por crianças e pré-adolescentes.

A Escola Ambiental: somente é possível à fundação Eco-Educativa manter esse trabalho graças ao apoio do Projeto Conexão Vida, que atende cerca de oito mil crianças na Bahia, e à Prefeitura Municipal de Camaçari, que mantém a Escola pública na área de preservação. Juntos, os dois projetos atendem a cerca de 250 crianças e adolescentes, oferecendo educação formal, artesanato, educação ambiental e música. 

Sobre a área de preservação:  Fred Dantas já publicou o livro “Bichos e Plantas na Escola Ambiental”, em 1998, como vencedor do Edital Caixa Cultural. Nessa publicação há um relato sobre animais e plantas daquela área, com destaque para o Lbo-guará e para a árvore Camaçari (“árvore que chora” em Tupi), que dá nome ao município.



Contatos Fred Dantas – 71 9977-2722 / 9246-8111
Assessoria de imprensa – Doris Pinheiro – 71 8896-5016


Comentários