MULHER DESCOBRE AOS 24 ANOS QUE SIMPLESMENTE NÃO POSSUI CEREBELO




Os médicos da cidade de Shandong, na China, ficaram extremamente surpresos quando uma mulher de 24 anos foi ao hospital com fortes dores de cabeça, tonturas e náuseas. Depois de exames específicos, eles constataram que ela simplesmente não possui o cerebelo – uma das partes essenciais do nosso cérebro, responsável pelo equilíbrio do corpo e controle muscular, assim como a aprendizagem motora. Em outras palavras, ele é essencial para qualquer ser humano.

Localizado na parte de trás do crânio, o cerebelo é relativamente pequeno, apesar de ser bastante importante para o desenvolvimento de qualquer homem ou mulher, pois aproximadamente metade dos neurônios do cérebro está localizada nessa porção. Por esse motivo, alguém que não possui um cerebelo é algo muitíssimo raro e improvável de acontecer.

É por isso que o desenvolvimento e o crescimento dessa chinesa, que não teve o seu nome identificado, sem um cerebelo é algo notável. Apesar de ter vivido todo esse tempo, ela relatou aos médicos inúmeras dificuldades pelas quais passou. Por exemplo, a mulher falou de modo arrastado até os seis anos e só começou a andar com sete anos. Além disso, ela tem tido problemas para manter o equilíbrio durante a vida toda.

Nas imagens que você pode conferir acima, a região escura é o local onde o cerebelo deveria estar localizado, área que é preenchida por um líquido cefalorraquidiano. Somente nove casos como esse já foram registrados no mundo e todos os indivíduos morreram muito cedo. O fato de essa mulher chinesa ter chegado à vida adulta, apesar de todas as dificuldades que a falta de um cerebelo ocasionou, é verdadeiramente impressionante. Pesquisadores já planejam estudar o cérebro da moça para saber como ele supriu a ausência do cerebelo.


Comentários