PREFEITURA ANUNCIA METAS A SEREM CUMPRIDAS ATÉ 2016





Gastar R$ 8,5 bilhões em investimentos em toda a cidade até 2016. Esta foi a principal meta estipulada ontem pelo prefeito ACM Neto (DEM), em reunião que teve secretários e vereadores da base aliada. 

Para chegar a este valor, o prefeito estima aumentar a arrecadação em cerca de R$ 500 milhões ao ano nos próximos três anos, com a aplicação da Reforma Tributária aprovada na Câmara, além de firmar parcerias público-privadas (PPPs), obter crédito em linhas de financiamento internacionais e firmar convênios com os governos federal e do estado. 

Na reunião de ontem ficaram definidas ainda as metas de curto, médio e longo prazos para dez áreas temáticas. Foram estipuladas 57 metas e 54 iniciativas estratégicas que têm como prazo final para cada secretaria o fim do atual mandato, em dezembro de 2016. 

Entre as metas, está a de ampliar a cobertura do Programa Saúde da Família (PSF) de 17% para 50% da população; bem como atingir nota 5 no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), que em 2012 ficou em 4,0 nas séries iniciais e 2,8 nas séries finais – atualmente, no país, estes índices estão em 5,0 e 4,1. 

O planejamento detalha ainda metas de ampliação do número de escolas e postos de saúde.  A prefeitura não detalhou à imprensa os detalhes de todas as metas. Pela assessoria, informou apenas que isso “será informado em outro momento”.

Metas da prefeitura
INVESTIMENTOS: R$ 8,5 bilhões até 2016, entre recursos próprios, PPPs e verbas repassadas por governos federal, estadual
SAÚDE: Ampliar cobertura do Programa de Saúde da Família (PSF) para 50% da população - hoje é 17%

EDUCAÇÃO: Elevar a nota do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) para 5,0. Hoje, ela é de 4,0 (séries iniciais)  e 2,8 (séries finais).

Fonte da matéria:


Comentários